Clique para ampliar

Compartilhar:

Fotografia CARTE DE VISITE de JOAQUIM DE ALMEIDA LUSTOSA - CARNEIRO & TAVARES Fotógrafo da Casa Imperial Final do Século XIX

Fotografia CARTE DE VISITE de JOAQUIM DE ALMEIDA LUSTOSA - CARNEIRO & TAVARES Fotógrafo da Casa Imperial Final do Século XIX

São João del Rei, Minas Gerais

Medindo : 6x10,5cm

CARNEIRO & TAVARES, Fotógrafo da Casa Imperial

JOAQUIM DE ALMEIDA LUSTOSA (1870 - 1937) foi filho de Delfina Eugênia de Almeida 

Foi o grande incentivador da exploração de Manganês em Lafaiete (Morro da Mina) Terminada a la. grande guerra foi vendida a mineração por 25.000 contos, tendo o Joaquim uma pequena porcentagem. Isso lhe permitiu comprar uma boa casa no Rio-, com grande chácara e onde construiu uma vila. Pouco depois aceitou a presidência das Minas de Carvão em São Jerônimo (Rio Gran-de do Sul) . Estava ele nessa direção, no Rio, quando um dia se sentiu mal. Saiu do escritório, tomou um taxi e dirigiu-se para o Hospital São José. Lá chegando mandou chamar o genro (Comandante Aragão). Quando este chegou já o Joaquim tinha falecido.

Irmão de Dom Antônio de Almeida Lustosa, São João del Rei, Arcebispo da Arquidiocese de Fortaleza, Ceará e de seu irmão e Dr. Paulo de Almeida Lustosa, inventor da Cera Dr. Lustosa, Dentista que ganhou fama local por criar uma pasta artesanal que aliviava as dores de dente. 

FAMILIA LUSTOSA

Antiga e importante família de origem portuguesa, estabelecida no Piauí, por onde passou o Capitão José da Cunha Lustosa, que perpetuou em seus descendentes o sobrenome Lustosa, tomado da Vila Lustosa, "concelho de Lousada, Porto, de onde era natural.

Emigrou de Portugal em 1758 para São Paulo e depois migrou para Paranaguá, no Piauí, em companhia de sua esposa, entrando pelo extremo sul, nas cabeceira do Gurguéia, município de Paranaguá.

Estabeleceram-se nos locais chamados Brejo e Mocambo, na Lagoa dos Golfos. Deixou numerosa descendência do seu casamento com Helena Camargo de Souza.

Com a mesma origem o nome Lustosa em Minas Gerais formou família importante no estado, que teve princípio no Capitão João Batista Lustosa, de 1780 a 1825, filho legítimo de José Antônio de Carvalho e Souza, do Rio de Janeiro.

Deixou cinco filhos, dos quais descendem os Lustosa de Minas Gerais.

 

CARNEIRO & TAVARES, Sucessores de CARNEIRO & GASPAR

Antes de se juntar a Gaspar, entre 1858 e 1865, Carneiro é sócio de Smith na empresa Carneiro & Smith. Na capital paulista, eles mantêm o ateliê Galeria Explendida, que, entre 1862 e 1865, é gerenciada por Gaspar.

Em 1865, com a formação da nova sociedade, a sede carioca passa a chamar-se Carneiro & Gaspar e, em São Paulo, Photographia Acadêmica.

Destacam-se, sobretudo, pela produção de retratos, fotopinturas em tamanho natural, fotomontagens e pelas caricaturas feitas pelo artista Fleiuss (1823 - 1882) em seus anúncios publicitários.

Os dois fotógrafos têm ampla clientela, incluindo a família imperial.

Com a morte de Gaspar, em 1875, Carneiro vende o estabelecimento paulista para o assistente Militão Augusto de Azevedo (1837 - 1905), que muda o nome da empresa para Photographia Americana.

Entre 1876 e 1883, Carneiro associa-se a Silva e Tavares, com quem mantém o estúdio Carneiro, Silva & Tavares, no Rio de Janeiro.

Em seguida, a associação torna-se apenas Carneiro & Tavares.

 

FONTES DE PESQUISA:

http://saojoaodel-rei.blogspot.com/2018/07/dom-antonio-de-almeida-lustosa.html

http://artigos.netsaber.com.br/resumo_artigo_41233/artigo_sobre_familia-lustosa

https://www.geni.com/people/Sabino-de-Almeida-Lustosa/6000000026107426959?through=6000000026107337302

https://idasbrasil.com.br/Solar+dos+Lustosa/Sao+Joao+Del+Rei/minas-gerais/atracao-turistica/634/g

https://pt.wikipedia.org/wiki/Ant%C3%B4nio_de_Almeida_Lustosa

http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa21617/carneiro-gaspar

 

 

Carte-de-visite ou carte de visite (em português: cartão de visita) é o nome dado a um antigo formato de apresentação de fotografias, patenteado pelo fotógrafo francês André Adolphe Eugène Disdéri em 1854.De tamanho diminuto (9,5 x 6 cm), a foto, geralmente revelada pela técnica de impressão em albumina, era colada em um cartão de papel rígido um pouco maior (10 x 6,5 cm aproximadamente).

O carte-de-visite tornou-se modismo mundial durante a década de 1860 e popularizou a arte do retrato, conferindo ao fotografado o status de distinção e representação social. Como padrão universal, o carte-de-visite era trocado entre familiares, amigos e colecionadores do mundo todo, já que cabia em uma envelope de carta comum.

Apesar de seu sucesso, o cartão de visita foi aos poucos suplantado pelo formato conhecido como carte cabinet (em português: cartão gabinete), surgido na década de 1870, tecnicamente igual ao antecessor, embora com dimensões maiores.

 

Produtos recomendados

Fotografia Revelada e Negativo de Vidro AGFA Início do Século XIX

Fotografia Revelada e Negativo de Vidro AGFA Início do Século XIX

por R$ 120,00
ou 3x de R$ 40,00 sem juros
ou R$ 108,00 por depósito bancário
Fotografias CARTE DE VISITE Estúdio da Alemanha Início do Século XX

Fotografias CARTE DE VISITE Estúdio da Alemanha Início do Século XX

por R$ 480,00
ou 3x de R$ 160,00 sem juros
ou R$ 432,00 por depósito bancário
Sobre nós

CASA DO VELHO acredita que valorizar os objetos de nossos antepassados é contribuir para preservar nossa história. É cultivando as lembranças da infância, dos itens que marcaram época, dos objetos inusitados que nos conectamos à nossa própria história

Pague com
Facebook
Newsletter

Assine nossa mala direta e receba muitas ofertas por e-mail.

Loja segura